Redes sociais para empresas: vale mesmo a pena investir nessa estratégia?

Você sabia que o Brasil é o 2° país que mais consome redes sociais no mundo? Os brasileiro passam em média – no mínimo – 4 horas por dia navegando pelas plataformas. É um dado muito importante para diversas áreas. 

Com o avanço da internet e popularização das redes, alguns hábitos da população mudaram. É o caso do consumo. Atualmente, antes de comprar algo ou contratar um serviço, as pessoas buscam referências sobre a empresa na internet e perfis nas redes.

Também é comum encontrar lojas e organizações que façam venda por esses perfis ou facilitem o processo por meio dessas plataformas. Atualmente, não encontrar o perfil de determinada empresa nas redes sociais é, no mínimo, suspeito. 

Por outro lado, ter um perfil empresarial não é importante apenas para que os clientes encontrem a empresa e se sintam confiantes sobre a compra ou contratação. 

Usar essas plataformas a favor do negócio é sobretudo, alcançar novos clientes todos os dias. Aliás, a todo minuto. Se você é empreendedor e ainda tem dúvidas se deve ou não abrir uma conta empresarial nas redes sociais, este conteúdo te ajudará. 

Entenda a seguir, a importância de colocar sua empresa nas redes sociais. Lembre-se: quem não é visto, não é lembrado. Esteja onde seus clientes estão e melhore seus resultados.

Confira também, algumas dicas de como montar o perfil ideal e como gerenciá-lo da melhor forma. Acompanhe!

 

Benefícios de ter um perfil empresarial nas redes sociais

Os benefícios são diversos. A principal questão a ser levada em consideração é: se as pessoas passam pelo menos 4 horas por dia navegando nas redes, ter um perfil nas redes é estar onde seus clientes estão. 

Se, durante essas 4 horas, a pessoa ver dois posts da sua empresa, já lembrará da marca. Se for de roupa, por exemplo, verá a peça e logo identificará onde conseguiria usá-la. 

Se a pessoa realmente gostou da peça, entra em contato ou vai até o site ter mais informações sobre valores e entregas. Sendo assim, é possível que com apenas 1 post, consiga chamar a atenção de diversos clientes que podem inclusive, fechar a compra em questão de minutos. 

Ter o perfil empresarial é trabalhar para chamar a atenção das pessoas e convencê-las a comprarem ou contratarem determinado serviço. Essa estratégia também é usada para proporcionar uma lembrança da marca. 

No exemplo da loja de roupas: talvez o cliente não tenha gostado muito da peça, mas quando precisar de uma roupa, lembrará da loja que vê os posts frequentemente em suas redes sociais.

 

Não requer investimentos e ajuda no relacionamento com o cliente

Criar um perfil empresarial não exige nenhum investimento financeiro. Algumas estratégias dentro destes perfis requerem alguns custos, mas o empresário só opta por elas se sentirem necessidade – não é obrigatório.

Então, consegue começar essa estratégia rapidamente e sem precisar investir dinheiro. Outro ponto positivo é que a marca e seus clientes se tornam mais próximos. 

Além de facilitar o atendimento ao cliente para comprar a possíveis ajudas, ainda permite feedbacks, pesquisas de mercado e entendimento sobre o mercado. 

Por exemplo, a loja de roupas citada acima pode postar alguns conteúdos para analisar se os clientes preferem vestidos ou saias, por exemplo. Assim, conseguirá ter uma noção do que produzir mais e o que fazer em menor escala – evitando prejuízo. 

Também é possível fazer pesquisas para entender as dores dos clientes, quais as vontades e necessidades dessas pessoas em relação ao segmento da empresa. Todo esse contato direto ajuda neste entendimento e também em gerar confiança ao cliente. 

Saber que tem alguém respondendo as perguntas, tirando dúvidas sobre o produto ou serviço, entre outras questões de atendimento, dá a sensação de confiança aos consumidores. O que proporciona mais compras e resultados melhores. 

 

Como gerenciar um perfil empresarial?

Essa é a grande dúvida por trás deste tema: como fazer? Como dissemos, os consumidores estão cada vez mais exigentes, então apenas estar nas redes sociais não é o bastante.

É preciso de conteúdos legais e atrativos que chamem a atenção das pessoas, tirem dúvidas e as instiguem a buscar mais por aquele produto ou serviço.  Como? 

Pense em textos curtos mas que sejam atraentes e ótimos para converter a pessoa que olhou por curiosidade em cliente. Imagens chamativas, bem pensadas e que mostre o produto ou serviço são essenciais. 

Todos os recursos devem ser pensados no seu público – linguagem, tipo de conteúdo, entre outros fatores. Poste pelo menos 2 vezes na semana. Faça stories, no caso do Instagram, mostrando a rotina do trabalho, como o serviço é feito. 

Tire dúvidas e mostre como a empresa está disposta a ajudar seus clientes. De fato, é bastante trabalho. Mas, com planejamento, é possível fazer por conta própria. Se quiser resultados ainda melhores sem tanto esforço, contrate uma agência de Marketing Digital especializada em mídias sociais. 

Uma equipe especializada no tema trabalhará nos textos, imagens, planejamentos de posts e melhores estratégias para alavancar as vendas, reconhecimento de marca e outros resultados da empresa.

Recommended For You

About the Author: Gabriela Azevedo